Respondidas
Que medidas devem ser tomadas para evitar a compactação do solo?

Que medidas devem ser tomadas para evitar a compactação do solo?

  
Postado 2 anos atrás
Votos Último

Respostas


O conhecimento da aptidão agrícola do solo é determinante para o seu manejo sem causar perda da sua qualidade. Igualmente importante é o dimensionamento dos tratores e de seus acessórios, bem como de outras máquinas compatíveis com os implementos tracionados. Por exemplo, pneus mais largos ou rodados duplos diminuem a pressão por unidade de área sobre o solo e pode evitar ou minimizar a compactação. Assim, a intensidade das operações de preparo do solo e de tráfego sobre ele não deve exceder a sua capacidade de suportar esses impactos. Outra estratégia é não repetir a mesma profundidade de aração e os mesmos equipamentos de aração em anos subsequentes. O ideal é alternar os implementos entre anos de cultivos e, para um mesmo implemento, alternar a profundidade de ação de um ano para outro. Associado a isso está o conhecimento sobre o ponto certo de umidade do solo em que o preparo do solo e outras operações serão executados, especialmente aquelas que envolvam revolvimento do solo, conforme já foi comentado. Entretanto, a melhor opção é a substituição dos implementos de preparo convencional do solo pelo sistema plantio direto (SPD), no qual o revolvimento do solo acontece apenas em uma pequena faixa. No SPD, pode até haver uma ligeira compactação na camada mais superficial com espessura de alguns centímetros, a qual é eliminada pela utilização de botinhas sulcadoras na semeadora ou ainda pela ação das raízes e de micro e mesorganismos. A cobertura morta presente no SPD também atua minimizando o impacto do tráfego sobre o solo, e o esquema de rotação de cultura permite a adoção de espécies com diferentes habilidades e profundidade de crescimento, o que contribui acentuadamente para redução do grau de compactação do solo.

Fonte: Sorgo : o produtor pergunta, a Embrapa responde / Israel Alexandre Pereira Filho, José Avelino Santos Rodrigues, editores técnicos. – Brasília, DF : Embrapa, 2015. 327 p. : il. ; 16 cm x 22 cm. - (Coleção 500 perguntas, 500 respostas).

  
Postado 2 anos atrás