Respondidas
Quais são os tipos de propriedade rural que adotam ou que têm potencial de adoção do sistema de integração com componente florestal – modalidades de integração lavoura-floresta (ILF), integração pecuária-floresta (IPF) ou integração lavoura-pecuária-floresta (ILPF) – nas regiões Centro-Oeste e Sudeste?

Quais são os tipos de propriedade rural que adotam ou que têm potencial de adoção do sistema de integração com componente florestal – modalidades de integração lavoura-floresta (ILF), integração pecuária-floresta (IPF) ou integração lavoura-pecuária-floresta (ILPF) – nas regiões Centro-Oeste e Sudeste?

  
Postado 2 anos atrás
Votos Último

Respostas


O sistema de integração, nas suas diversas modalidades, é uma estratégia que, em princípio, adapta-se a qualquer tamanho de propriedade, desde que as condições edafoclimáticas não sejam restritivas. Basta lembrar que o plantio consorciado de milho com capim-jaraguá [Hyparrhenia rufa (Nees) Stapf] e capim-colonião (Panicum maximum Jacq.), nas décadas de 1950 e 1960, foi prática comum na implantação manual de pasto nas “roças de toco”; portanto, factível de ser adotada na pequena propriedade. Contudo, em propriedades caracterizadas pelo uso intensivo de máquinas agrícolas e insumos (corretivos, fertilizantes, herbicidas, pesticidas), a escala de produção pode ser determinante da viabilidade econômica do sistema. Assim, é necessário planejamento eficiente, gestão competente e envolvimento de equipe multidisciplinar (multicompetências).

Fonte: Integração lavoura-pecuária-floresta : o produtor pergunta, a Embrapa responde / Luiz Adriano Maia Cordeiro ... [et al.,], editores técnicos. Brasília, DF : Embrapa, 2015. 393 p. : il. ; 16 cm x 22 cm. - (Coleção 500 Perguntas, 500 Respostas).

  
Postado 2 anos atrás